Translate this Page



Partilhe este Site...

Links do Autor

    


Origem dos nomes da Cidade, Bairros, Ruas e outros
Origem dos nomes da Cidade, Bairros, Ruas e outros

 

Origem dos nomes da cidade

 

Campos de Congonhas = Campo é terreno sem mato, com ou sem árvores esparsas. Congonha é denominação de origem tupi-guarani, do tema cong. engolido, deglutido, o que se bebe, erva para chá. (luxemburgia polyandra). Esta denominação foi dada pelos bandeirantes por volta de 1700, época em que supostamente iniciou-se a formação do Arraial.

 

Congonhas das Minas de Ouro = Em face do grande número de minerações em jazidas superficiais que se instalaram na região, ela passou-se a denominar-se Congonhas das Minas de Ouro. Parece-me foi coerente com a configuração histórica do local. Até hoje é impossível historiografar a região sem falar em suas minerações auríferas.

 

Congonhas de Sabará = Esta denominação foi oficializada quando foi criado o distrito, ligado ao município de Sabará em 1836. Sabará é alteração do vocábulo tupi-guarani "itaberá". que quer dizer pedra brilhante.

 

Vila Nova de Lima = A localidade toma o nome de Vila Nova de Lima, através do Decreto  nº 361, de 5 de fevereiro de 1891. Vila é uma categoria urbana acima de Arraial e abaixo de Cidade. As sedes dos distritos são consideradas Vilas. Em face disto e da beleza do vocábulo "Vila", ele passou a integrar o nome da localidade. Por que "Nova"? Creio que a presença de uma empresa do vulto da "St. John D'el Rey Mining Company Limited", provocando mudanças no visual urbano, na economia e no comportamento social desde 1834, dava à Vila um caráter ou uma aparência de coisa nova, no sentido da novidade. Lima foi uma homenagem que se prestou ao filho ilustre da terra, Augusto de Lima, historiador e político. Completendo-se assim o seu nome, Vila Nova de Lima.

 

Nova Lima = Em 1923, passados 32 anos de sua emancipação e promoção à categoria de cidade, foi suprimida a palavra "Vila". Perdura, portanto, o último e belo topônimo: Nova Lima.

 

 

Origem dos nomes dos bairros

 

Bela Fama = Este nome deriva de uma das antigas minas existentes no município em tempos remotos. O curioso é que esta mina não se localizava na região aonde hoje é o bairro Bela Fama, antes este local era um sítio de criação de gado para fornecimento de carne, leite e queijo para a Casa Grande e se chamava "Fazenda Bela Fama", numa referência talvez a antiga mina que funcionava próximo ao local aonde hoje a COPASA beneficia a água para fornecimento. Outro fato curioso, é que os trabalhadores da COPASA vieram a se instalar na antiga Fazenda Bela Fama, que foi dividida em lotes destinados a construção das moradias. Mas o nome da localidade já se chamava Fazenda Bela Fama. Há entretanto uma história que contam sobre a origem do nome deste bairro bastante curiosa e que certamente é fruto do imaginário popular. Dizem que George Chalmers, quando chegou em Nova Lima, trouxe com ele além da família uma linda amante francesa, pois dizem que naquela época era sinal de status um homem da envergadura de Chalmers ter uma amante francesa. Como ele não poderia levá-la para morar na Casa Grande junto com a sua família, mandou construir uma casa para ela na Fazenda Bela Fama. Dizem que George Chalmers tinha a mania de misturar palavras portuguesas com inglesas e ao terminar o trabalho na mina, perguntado aonde iria, ele respondia: - Vou visitar a "Bela Feme"! (Bela em português e Feme que é fêmea em inglês). Quando alguém então perguntava para onde George Chalmers foi, os trabalhadores brasileiros respondiam: Ele foi para a Bela Fama, daí a origem do nome do bairro.

Honório Bicalho = A região que antes se chamava Faria Garcês, recebeu o nome de Honório Bicalho em homenagem ao engenheiro de mesmo nome, formado pela Escola Militar, posteriormente Escola Politécnica do Rio de Janeiro e participou na construção de obras públicas em portos e ferrovias brasileiras. Foi chefe na construção da Estrada de Ferro D. Pedro II.

Matadouro = Antes na localidade havia um abatedouro, onde abatiam animais para obter carne e por vezes outros elementos como pele, chifres e etc. Com o tempo foram sendo construídas residências ao derredor até que o abatedouro deixou de existir, mas prevaleceu até os dias de hoje o nome Matadouro.

Mingú = Nesta localidade instalou-se uma colônia de chineses que não se adaptaram ao serviço nas minas e que plantaram árvores da fauna brasileira conhecidas como "Mingu", cuja madeira é muito apreciada para trabalhos de marchetaria que eram vendidos nas estações de Rio Acima e Honório Bicalho. Os chineses não se misturavam ao restante da população e por aqui ficaram por pouco tempo. A acentuação na última letra foi uma adaptação do palavreado local.

 

Copyright © Elmo Gomes - Todos os direitos reservados

                                      

                                                  

 

                                                          

                                                          

topo